Uma felicidade possível nos contos da várzea de Marcelo Mendez

por Gabriel Kolyniak No final de 2014, eu trabalhava de dia como editor de conteúdo em um sistema de ensino de São Paulo e à noite na Editora Córrego, que tinha então pouco mais de um ano e meio de fundação. Até aquele momento eu e meus parceiros – que eram Tomás Troster, com quemContinuar lendo “Uma felicidade possível nos contos da várzea de Marcelo Mendez”